Sofrimento e "Dureza Mental" (parte 1)

  • por Brian Chontosh

  • traduzido por Yamande Almeida

“Meu vocabulário protege algumas palavras para um empenho muito específico. Em geral, as pessoas tendem a usar certas palavras muito liberalmente e, finalmente, acabam diluindo a identidade do seu significado. Os exemplos incluem: inspirar, amar, odiar, herói, promessa ... e como eu vou falar neste texto sobre "dureza mental"; sofrimento.

É muito mais aceitável dizer "eu saí porque estava sofrendo" do que "eu desisti". Também torna mais fácil sair quando você está confundido ao pensar que está sofrendo. Uma extensão deste padrão de pensamento acaba por ser "eu desenvolvi uma dureza mental porque sofri".

O sofrimento tornou-se uma palavra comum para enfeitar uma quantidade de esforço e mascarar graus de fraqueza. O que realmente precisa ser dito: "Eu fui tão além da minha capacidade física e psicológica que eu me entreguei. Eu desisti onde eu sou fraco".

Dureza mental nos empurra para nossas fraquezas e cria oportunidades. Se é simplesmente suportar, tolerar, contribuir, ter sucesso ou prosperar depende da sua determinação [outra conversa interessante]. Dureza mental é um empenho comprometido em não sofrer. Ou sofrer menos. Ou sofrer melhor.

O ato de sofrer não tem valor intrínseco para o bem. Na verdade, eu suspeito que o sofrimento tende à destruição. É como você envolve isso que apresenta seu potencial para o desenvolvimento positivo.

Em treinamento eu (e outros) me recuso a tentar induzir sofrimento. Prefiro explorar a punição. Punição com propósito.”

(continua…)

Ver: (parte 2), (parte 3)

Sobre o autor

Brian Chontosh

O major Brian R. Chontosh (nascido em 1974 em Rochester, Nova York) é um oficial da Marinha dos Estados Unidos, que foi premiado com a Cruz da Marinha por suas ações heróicas durante a Invasão do Iraque de 2003. Na época, ele era um líder de pelotão para a Companhia de Armas, 3º Batalhão, 5º Marines, 1ª Divisão da Marinha. Brian Chontosh ficou em 2º Lugar no Regional do Sul da California no CrossFit Games de 2009. Atualmente ele trabalha no CrossFit Training Seminar Staff.